lostworld


 
InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Últimos assuntos
» taverna do ponei saltitante entrem divirta-se/falem combinem mas não esqueçam de postar
Qui Set 10, 2009 2:28 pm por Kirah

» Thril, o Anão
Sex Out 24, 2008 1:26 am por Thril

» DUCK, DUCK, DUCK... GOSSED!!
Qua Out 15, 2008 6:04 pm por Lara Willians

» Salada - Mista
Seg Out 13, 2008 11:49 pm por Josh McDowell

» Feliz aniversário
Dom Out 12, 2008 7:54 pm por Anne Linderman

» Salva ou Afoga
Qui Out 09, 2008 6:22 am por Manad

» Josh McBride-Cavaleiro/Cowboy
Sab Out 04, 2008 9:25 am por Josh McBride

» Tioooo tiaaaaaaa faz um conjunto pra mim??
Sab Out 04, 2008 7:50 am por Josh McBride

» Lara Willians - Professora PHD
Qua Out 01, 2008 7:02 pm por Lara Willians

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Fórum
Parceiros

Compartilhe | 
 

 Zânia, Amazona

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Zânia
Humanos
Humanos
avatar

Número de Mensagens : 7
Data de inscrição : 24/09/2008

MensagemAssunto: Zânia, Amazona   Qua Set 24, 2008 11:51 pm

CRIAÇÃO DE PERSONAGENS


Nome:
Zânia

Sexo:
Feminino

Raça:
Istari

Idade:
27

Origem:
Anduin.

Moradia:
Errante.

Classe/Ocupação:

Guerreira/Amazona

Línguas:
westron
adûnaico
dialetos órquicos

Aparência:

Zania possui cabelos negros, até a altura da cintura. Aproximadamente 1,78m . Os olhos são azuis como o céu, herança da sacerdotisa Amazona. Devido ao árduo treinamento físico, possui muita força e habilidade para batalhas. Como toda amazona, traja uma armadura composta por uma saia de couro, armor em ferro maciço, botas até os joelhos e braceletes que ocupam seu antebraço. Carrega com ela uma espada bastarda, que ganhou da mãe, um arco e algumas flechas. Desde que se tornou uma adulta, batalha pela por onde passa, e nas inúmeras batalhas vencidas, conseguiu cicatrizes, como a de sua testa, braços, algumas nas duas pernas, mãos calejadas. Em suas costas, o motivos que a faz acordar diariamente, o simbolo de sua Deusa ocupando toda a parte posterior do tronco. Zania é conhecida, por usar um dos braceletes dourado, que ganhou da própria Rainha Amazona, sua mãe e um dente de urso, pendurado como colar, conseguido na sua primeira caça oficial.


Personalidade:

Não é uma pessoa de fácil convivência. Tem uma arrogância peculiar das amazonas, e um gênio difícil. Não costuma ter amigos, a não ser suas fraternas amazonas. Despreza homens, mas isso não quer dizer que não possa usá-los quando precisar deles. Tem um código de honra dela e uma disciplina invejável. Contudo, não abaixa a cabeça para quem quer que seja, até mesmo para sua rainha e tia, cuja a honra defende a unhas e dentes.

Habilidades:

Montaria
Combate Armado
Combate desarmado
Intimidação
Sobrevivência

Pontos Fracos:

Seu código de honra, Zania defende com unhas e dentes sua rainha, sua deusa e seu reino.
Detesta contato físico – tirando lutas - o que não facilita com relação a socialização.
Como não tem amigos, ou não os faz com freqüência, quando isso acontece, tende a se apegar demais a pessoa – isso não quer dizer que ela demonstre isso.
É desconfiada, não tende a confiar nas pessoas com facilidade.
Não fala sobre si, à ninguém.



Aprimoramentos:

Positivos:
Ambidestria – 2 - Senso de Direção (1) - Sono Leve (1) - Arma ou Amuleto Mágico (2) - Bom Senso (1) – Aliados Importantes (3) – Sábio (1) [natureza] = 11


Negativos:

Espírito Guerreiro (1) - Inimigo (1) [Um assassino, seu pai] - Má fama (2) – Fobia (1) [Tripanofobia – Medo de agulhas, injeção] = 5



História:

Entre o reino das amazonas, a hierarquia não era problema para a pequena Zânia. Filha da General do exercito Amazona com um comandante de tropas de saqueamento que foi preso pelas tribais e conseguiu fugir, antes de ser morto, a garota nasceu sob o a influencia de sua Deusa, com o presságio de tornar-se ocupar o lugar da tia, incapaz de gerar filhos.

Os anos foram passando, e seu caráter foi se moldando tal como suas habilidades para guerra. Sua tia dizia que ela aprendeu a manejar uma arma antes mesmo de aprender a falar, a caçar antes de aprender a comer e por fim, sobreviver antes de aprender a viver.

Desde nova, era evidente o talento para batalhas, e mesmo menina, era temida pelos companheiros de treinamento, talvez por ser filha da general, talvez por ser uma guerreira habilidosa, não posso afirmar com certeza, mas a qualquer um que tivesse juízo, o nome Zânia já era o primeiro golpe.

Sua tia, Rainha Clemence, lhe ajudou ensinando-a sobre o mundo fora de suas terras. Era conhecida por ser uma boa mulher – não confundam bondade com falta de pulso. – e por cuidar do seu povo com a própria vida. Se não fosse ela, a pouca humanidade que ainda existia na garota, teria desaparecido com os anos. Ensinou-a a ler, a conseguir o que se quer das pessoas, alguns truques de persuasão que eram usados freqüentemente na mãe para conseguir pequenas coisas. Como a rainha não podia ter filhos, dava toda sua atenção e ensinamentos a Zania, e fez com que a garota aprendesse a se portar.

Isolda, a General, foi responsável por seu treinamento. A inicio, não queria que a filha fosse rainha, mas com a incapacidade de Clemence de ter filhos, ela teria de subistituí-la. Ainda assim, fez com que a irmã não desistisse de ter filhos, e um dia, com a graça da sua Deusa, conseguiu engravidar.

Aquilo decepcionou Zania, não que ela quisesse ser rainha com tanta vontade, mas teria de dividir sua tia com outra menina.

Alguns anos se passaram. Ela já se considerava uma amazona. Ganhou de sua mãe, uma espada bastarda e um cavalo de sua rainha, marcando essa transição. Em sua primeira caça, conseguida a muito custo, já que ainda não era uma mulher formada, Zania saiu em direção a floresta negra, sozinha. Ficou lá durante algun tempo, caçando, vivendo por sua própria conta. Esse era seu treinamento, voltaria de lá uma verdadeira guerreira. Viu a morte de perto, passou fome, frio. Mas não importava.

Dois anos depois, Zania retornou ao reino amazona, trazendo com ela quatro dentes de urso, presenteando Clemence, Izolda e Citandra, sua prima. Enfim, Isolda teve orgulho da mulher que Zania havia se tornado, infelizmente, uma floresta como aquela é capáz de tornar negro o coração de qualquer pessoa. Uma vez que o mal se instala, por mais que pareça morto, ele ainda estará lá, pronto para tomar conta do seu corpo.

Zania agora era preparada para assumir o lugar da mãe, e já o fazia por si só. Era ela, responsável pela captura de homens e territórios. Era muito boa no que fazia. Certa vez, quando o culto de fertilidade se aproximava, ela saiu com outras amazonas a procura de homens que pudessem servir. O seu escolhido foi um bruxo, com quem teve relações sexuais durante três dias. Após esse tempo, como tradição, ele teria de ser morto. Ela fez questão de fazê-lo, mas antes que tivesse chance, foi amaldiçoada por ele, dizendo que, aquele filho iria ser homem e que ela só iria ter uma filha mulher, depois que matasse seu pai, que não havia escapado sozinho, mas com ajuda de Isolda, que havia se apaixonado por ele.

Zania sentiu ódio. Um ódio mortal de sua mãe, por ter traido as tradições amazonas. Por sua vez, não iria cometer o mesmo erro. Matou o bruxo e Pediu permissão a sua rainha para que saísse do reino em busca do paradeiro de seu pai, para por fim voltar ao reino amazona e gerar uma filha. A inicio, Clemence temeu que ela não voltasse, e lhe ofereceu honra mesmo sem dar uma descendente real a familia. Como esperava, Zania se ofendeu com tal oferta. Ainda assim, Clemence a fez ficar com seu bracelete, de ouro.

Junto a Lord, seu cavalo, saiu em direção ao paradeiro do pai, para matá-lo.





Equipamento:

Uma espada bastarda [arma magica]
Um arco longo.
Flechas.
Dois braceletes, sendo um de ouro.
Cela e equipamentos de viagem.
Um kit primeiros socorros, não contendo injeção ou coisa do tipo.
Comida para uma semana de viagem.



Status de Luta

Mira: 11
Habilidade: 12
Destreza: 9

Atributos

Fr : 25
Con : 12
Agi : 8
Int : 8
Will : 13
Per : 12
Car : 2


Termo de Responsabilidade:


Eu Raíssa Barreto, concordo que este fórum pode conter relatos que contenham violência, sexo, contos que envolvam terror, morte, sendo assim concordo que meu personagem (nome do personagem) está de acordo co mas regras, e que também meu personagem pode vir a se ferir e machucar, de acordo com suas ações e aventuras propostas pelo mestre em questão.
Sendo assim eu Raíssa Barreto concordo que o não cumprimento ou exceder das regras e após 3 advertências da administração serei julgado pela supre corte do Clã das Sombras, podendo ser até esmo expulso do RPG em questão acarretando a doação ou morte do meu personagem.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Admin- Clã das Sombras
Admin- Clã das Sombras
avatar

Número de Mensagens : 18
Data de inscrição : 07/09/2008

MensagemAssunto: Re: Zânia, Amazona   Qua Out 01, 2008 3:19 am

bem vinda^^

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Zânia, Amazona
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Teste para Rainha das Amazonas- Alexia
» Mulher Maravilha agora não terá... er... calça...?
» Poderes e Habilidades das Amazonas
» Teste para Amazona - Caratina Verme Aquático

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
lostworld :: História :: Fichas- poste a sua aqui-
Ir para: